Hospital Macroregional de Caxias realizará mutirão de cirurgias eletivas em março.

Foto | Deputados estaduais Adelmo Soares e Cleide Coutinho 

O Hospital Macroregional vai realizar no mês de março, um mutirão de mais de 1000 cirurgias eletivas para pacientes de Caxias, que aguardam por um procedimento cirúrgico há meses.

A meta do mutirão é realizar precisamente 1200 cirurgias, o mutirão só foi possível, graças as intervenções  dos Deputados Estaduais Cleide Coutinho e Adelmo Soares, que pleitearam uma emenda parlamentar junto ao Ministério da Saúde, destinada a ampliação do Programa Cirurgia, lançado pelo Governo do Estado em Janeiro. A reivindicação foi feito pelos parlamentares diretamenteao Deputado Leonardo Sá, que articulou a liberação da emenda parlamentar.

Neste momento, sabemos que muitas pessoas esperam na fila para que possam realizar essas cirurgias, e a demanda sendo muito grande, então vai ser realizado esses mutirões, a exemplo de outros mutirões que já aconteceram no estado, a partir do mês de março, após resolvermos todo o processo burocrático, estaremos realizando esse mutirão que vai ajudar a população de Caxias, destacou o Deputado Estadual Adelmo Soares.

O mutirão vai realizar ainda 3 mil ressonâncias magnéticas, exames que também são muito demandados pela população.

Nós temos o Hospital Macroregional, que tem uma demanda grande uma procura grande, por que nós atendemos a grande maioria das cidades circunvizinhas, e as carências, necessidades e urgências toda hora aparecem, destacou a Deputada Estadual Cleide Coutinho.

A inclusão da cidade no programa, encheu de esperança pacientes que aguardam cirurgias há vários meses e também deve desafogar um pouco o fluxo no Hospital.

Todos os pacientes já estão com o nome aqui no hospital, lógico, se aparecer mais pacientes nós colocaremos na lista de espera, a intenção é fazer todos os pacientes que já estão na lista de espera, mas claro, e contemplar pacientes novos, finalizou Jefferson Coutinho, Diretor do Hospital Macroregional.

Com informações do Portal Sinal Verde.

Postar um comentário

0 Comentários