Caso Gabriel Breno: Suspeito de matar estudante é preso após 16 dias foragido.

Reprodução: Meio Norte

Policiais do 1º Distrito Policial prenderam, na manhã desta quarta-feira (7), o mestre de obras Deivid Ferreira de Sousa. Ele é suspeito de matar o estudante Gabriel Brenno Nogueira, 21 anos, no último dia 17 de julho, quando o jovem saia de uma pensão no Centro de Teresina. 

O Cidadeverde.com apurou que Deivid, 34 anos, foi encontrado na residência de uma amiga localizada na região do Vale do Gavião, zona Leste de capital. Deivid estava escondido na casa de uma amiga da mãe. Ele havia chegado há cerca de uma semana, após retornar da cidade de Matões, no Maranhão.

Deivid estava foragido há 16 dias. Segundo a polícia, o crime teve motivação passional. De acordo com as investigações, o suspeito descobriu que sua companheira manteve um relacionamento extraconjugal com Gabriel.




O preso será apresentado em entrevista coletiva na sede da secretaria Estadual de Segurança Pública.

Gabriel foi baleado dia 17/07 no centro da capital piauiense


Com informações do Cidade Verde e Meio Norte

Postar um comentário

0 Comentários