Urgente! HUT abre protocolo de morte encefálica de estudante caxiense baleado no Centro de Teresina.

Gabriel Brenno, de 21 anos.

Por Valmir Macêdo - Cidade Verde
valmirmacedo@cidadeverde.com



A equipe médica do Hospital de Urgência de Teresina (HUT) abriu, na noite desta quinta-feira (18), protocolo de morte encefálica do jovem Gabriel Brenno Nogueira da Silva Oliveira, 21 anos. A informação foi divulgada em boletim nesta sexta-feira (19).

O protocolo é composto por três exames, dois clínicos e um de imagem, que devem ser realizados no prazo mínimo de 24 horas após sua abertura.


O protocolo foi aberto após ter findado o prazo de 24 horas da realização da cirurgia, por conta do uso de sedativo, a equipe de saúde que acompanha Gabriel realizou uma reavaliação do seu quadro de saúde.

Gabriel Brenno deu entrada no HUT às 7h42, vítima de arma de fogo na região da cabeça próximo a nuca. Imediatamente foi encaminhado para o centro cirúrgico, onde passou por cirurgia neurológica para reparar os danos causados pela bala (drenar o hematoma diminuindo assim a pressão intracraniana).

Em nota, o HUT reiterou que a abertura do protocolo não é uma confirmação do quadro de morte encefálica, mas sim, a aplicação de testes e exames que irão confirmar ou não se Gabriel ainda apresenta atividade cerebral.

Inquérito

O 1º Distrito Policial investiga a tentativa de homicídio contra o estudante e já teria chegado aos suspeitos. Imagens de segurança mostram o carro que o suspeito andava.

Informações apuradas pela TV Cidade Verde são de que a tese mais forte é mesmo de crime passional. Gabriel teria se envolvido com uma mulher comprometida e o marido dela é apontado como o principal suspeito. Os dois teriam se conhecido em uma academia e o companheiro da mulher, uma jovem comerciária, teria descoberto o caso extraconjugal através de mensagens no celular da esposa. No entanto, o homem, que trabalha no ramo da construção civil, teria dito a ela que “perdoava” a traição e os dois reataram.

Postar um comentário

0 Comentários