Estudante baleado na cabeça passa por cirurgia e respira com ajuda de aparelhos, diz hospital.

Gabriel Brenno Oliveira, 21 anos, foi baleado na manhã desta quarta-feira (17) e levado para o Hospital de Urgência de Teresina. Segundo o hospital, o estado de saúde dele é gravíssimo.

Jovem passou por cirurgia no Hospital de Urgência de Teresina (HUT) — Foto: Lucas Marreiros/G1

O estudante Gabriel Brenno Nogueira da Silva Oliveira, 21 anos, que foi baleado na cabeça quando saía da pensão onde mora, no Centro de Teresina, passou por cirurgia nesta quarta-feira (17) no Hospital de Urgência de Teresina (HUT). De acordo com a assessoria da unidade de saúde, o estado de saúde do jovem é gravíssimo e ele respira com ajuda de aparelhos.

O rapaz deu entrada no hospital na manhã desta quarta-feira (17) e foi encaminhado diretamente para cirurgia. A assessoria do HUT informou ao G1 que após o procedimento cirúrgico Gabriel Brenno foi levado para a sala de recuperação e que em seguida será levado para a Unidade de Tratamento Intenso (UTI). O jovem segue sedado, entubado e em estado gravíssimo.

Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima foi baleada por um homem que desceu de um carro na rua Paissandu, onde o estudante mora, se aproximou e efetuou o disparo. Em seguida, o homem correu, entrou em um ônibus e fugiu. Até o momento nenhum suspeito foi preso ou identificado.

‘Rapaz tranquilo’


Jovem foi baleado assim que saiu de uma pensão no Centro de Teresina — Foto: Lorena Linhares/G1

Gabriel Brenno é natural de Caxias (MA), segundo a polícia, e mora na pensão que fica próximo a um curso preparatório para concursos onde ele estuda. Ele mora no local desde fevereiro deste ano.


Uma funcionária da pensão lamentou o ocorrido. “A gente nunca imaginaria isso acontecer com uma pessoa dessas. Ele passava a maior parte do tempo trancado no quarto estudando. Era tranquilo, não fazia mal a ninguém, se dava bem com todos, todos na pensão gostavam dele. Era de casa pro cursinho", disse Erlane dos Santos.

Fonte: G1 PI

Postar um comentário

0 Comentários