Caso Gabriel Brenno: Acusado de matar estudante segue foragido.

O acusado de matar o estudante Gabriel Brenno Nogueira da Silva Oliveira, de 21 anos, Deivid Ferreira de Sousa, continua foragido e sem qualquer pista sobre seu paradeiro. Nesta terça-feira (30/07) completa uma semana que a Central de Inquéritos de Teresina expediu um mandado de prisão preventiva contra o acusado.

A Polícia Civil concluiu que Deivid Ferreira agiu sozinho no crime ocorrido no último dia 17 de julho, no momento que Gabriel saia da pensão onde estava hospedado e foi atingido com um tiro na cabeça. Foi descartado qualquer participação da esposa do acusado e suposta pivô do crime, já que segundo alguns familiares de Gabriel, ela teria apontado o local onde o estudante morava para o até então marido.

Deivid foi autuado pelo crime de homicídio qualificado por motivo fútil. A Polícia Civil segue em investigação e diligências no sentido de realizar a prisão do suspeito.

Acusado de matar o estudante

Gabriel Brenno foi morto com um tiro na cabeça
Fonte: Meio Norte

Postar um comentário

0 Comentários