Servidores são coagidos a participarem de ato do PDT e do PCdoB em Matões.

As eleições para prefeito ocorrem apenas em outubro do ano que vem, mas em Matões, no interior do Maranhão, o uso da máquina já começou.

Nesta semana, o ex-deputado Rubens Pereira, uma das principais lideranças políticas da região, foi flagrado coagindo servidores da Prefeitura Municipal a participar do ato de filiação do prefeito Ferdinando Coutinho ao PDT.
O evento ocorre amanhã (22).
Num grupo de WhatsApp criado exclusivamente para arregimentar aliados, Rubão, como é conhecido, reclamou da saída de um dos integrantes. Ele mandou que o servidor fosse novamente adicionado e o desafiou a sair novamente.
Na sequência, fez uma ameaça a todos os demais: “Vamos deixar uma coisa bem clara aqui: aquele companheiro que não quiser participar do grupo da mobilização e que exerça cargo comissionado da Prefeitura, na hora que ele adicionar pedindo para sair, ele faça logo o pedido de demissão da Prefeitura. Para ficar as coisas bem entendido e bem explicado”.

Fonte: Blog do Gilberto Léda

Postar um comentário

0 Comentários